Wednesday, December 7, 2016

Sessao Restaurante (em Wolfsburg): Terra

Como chegamos ao meio-dia no hotel, decidimos fazer um lanche por lá mesmo.

Restaurante Terra, com vista...

... para a fábrica da VW :-)

O dia estava cinza e friozinho, perfeito para o aconchego de um ambiente com lareira.

Na mesa, paezinhos e uma espécie de mousse de maca (com pao? Acho que prefiro a manteiga básica :-)  ).

Como almoco, um Terra-Burger: paozinho de brioche com cream cheese, chutney de cebola roxa, alface, rodelas de pepino em conserva e chutney de tomate. Para acompanhar, batata-frita.
[Terra burger: brioche roll / cream cheese / red onion chutney / lettuce / tomato / pickled cucumber / tomato relish]

Tuesday, December 6, 2016

Dormindo em Wolfsburg: The Ritz-Carlton

Na metade de setembro, namorido e eu tiramos mini-férias: sair de casa sexta de manha e voltar na terca de tardezinha. No roteiro:
Na sexta, ir de Aachen até Wolfsburg (4 horas e meia de viagem de carro). Em Wolfsburg, ficar no hotel dentro do parque da fábrica da Volkswagen (Autostadt), e jantar no restaurante Aqua (sobre o qual eu li um artigo numa revista há 5 anos atrás, e sempre tive vontade de conhecer).
No sábado de manha, ir até Potsdam (2 horas de viagem) para conhecer o castelo de Sansoussi. De tarde, ir para a ilha de Usedom (3 horas de viagem), no Mar Báltico.
No domingo de manha, visitar o Museu Peenemünde em Usedom - uma antiga base miliar.
Na segunda, ir até Schwerin (2 horas e meia de viagem) visitar o castelo de Schwerin - que eu fiquei conhecendo através desse quebra-cabeca.
E, na segunda de tarde, ir para Heiligendamm (1 hora de viagem), no Grand Hotel - um dos primeiros hotéis com spa na orla marítima alema, inaugurado no final do século 18.

Como diz uma amiga minha, nossas mini-férias sao mais agito do que relax. Mas a gente gosta, e é ótimo para desopilar :-)

Como saímos cedo de Aachen, chegamos ao meio-dia em Wolfsburg. Ficamos no hotel The Ritz-Carlton: a localizacao é ótima, dentro do parque da Volkswagen - também conhecido como Autostadt. A estadia no hotel dá acesso há todos os museus do parque de graca. Além disso, o restaurante Aqua que queríamos conhecer fica também no próprio hotel.

Do lado esquerdo, a fábrica da Volkswagen. Do lado direito, nosso hotel.
Nosso quarto. Da sala, vista para o...

 ... museu Zeithaus e...

... para a fábrica.

O quarto com...

... uma parede cheia de janeloes e vista...

... para o complexo do Autostadt, com vários museus e pavilhoes.

A parte de trás da cama e...

... o banheiro (com piso aquecido! Ótimo no friozinho :-)  ).

Monday, December 5, 2016

Experimentando o Riesling Trockenbeerenauslese

Em casa, experimentamos o vinho doce que compramos na Vinícola Knipser. Em 2009, ele ganhou o prêmio de melhor vinho Riesling TBA alemao. Nós aprovamos, delicioso :-)


O rótulo e...

... o lacre.

Vinho doce com foie gras: delicioso :-)

Sunday, December 4, 2016

Sessao Literatura: Britt Marie was Here


Britt Marie was Here 
Fredrik Backman
[Fonte foto: amazon.de]

O livro é do mesmo autor que 'A Man Called Owe'. E é tao bom quanto - apesar de nao ser tao divertido.

Saturday, December 3, 2016

Passeando por Rheinland-Pfalz: Worms

De Dürkheimer, fomos em direcao a Worms - uma das cidades mais antigas da Alemanha. Mas nao sei se por causa do tempo (estava um chuvisco chato) ou pelo movimento (como todo sábado de manha, um verdadeiro desafio para achar lugar para estacionar), achamos o centro da cidade meio sem charme.
Caminhando a pé em direcao ao centro, uma linda porta de madeira entalhada.

Ao longe, uma das torres da Catedral St.Peter. A igreja foi construída entre 1171 e 1230!

Gárgulas na janela, apreciando o movimento :-)

Em uma das portas laterais, um...

... rei (ou bispo?) estilizado.

O interior da imponente catedral.

Indo de volta ao carro, passamos pelo Lutherplatz, onde se encontra o Monumento a Martin Luther (ou Lutherdenkmal). 

Eu confesso que nao tinha idéia da associacao entre Martin Luther e Worms. Mas, como Joaninha Bacana também é cultura, aqui vai a explicacao porque há um monumento (aliás, o segundo maior monumento do mundo em relacao a Martin Luther e a Reforma Protestante) em Worms: em 1521, aconteceu o Reichstag zu Worms (ou Dieta de Worms). A Dieta de Worms foi uma reuniao de cúpula política e religiosa, chefiada pelo imperador Carlos V, que, entre outras medidas, ordenou que Martin Luther renunciasse as suas 95 teses publicadas em Wittenberg. Ele nao renunciou, mas defendeu as teses, e foi considerado herege.

Antes de deixarmos Worms, queríamos ainda conhecer o Heiliger Sand - cemitério judaico mais antigo da Europa, com lápides dos séculos 11 e 12. Porém, quando chegamos lá, os portoes estavam fechados (e só conseguimos tirar duas fotos por cima do muro): nao nos lembramos que...

... o sábado é o Shabat, ou dia do descanso judaico.

Friday, December 2, 2016

Passeando por Rheinland-Pfalz: Dürkheimer

No sábado de manha, fomos visitar Dürkheimer e seu Gradierbau (ou Gradierwerk - nao sei a traducao em português).

Em Dürkheimer, na segunda e terceira semana de setembro, acontece o maior festival de vinho do mundo: o Wurstmarkt (sim, o festival se chama Wurstmarkt, mas é de vinho e nao de linguica, hihihi).
A entrada de um dos pavilhoes é um tonel enorme de vinho :-)
Do lado do parque do festival se encontra o Gradierbau.

O Gradierbau, normalmente encontrado do lado de salinas, sao construcoes onde águas salgadas escorrem por galhos de abrunheiro. Nesse processo, quantidades de água vao evaporando no ar e a água que sobra é bem concentrada em sal. Essa água com alta concentracao de sal é tirada, aquecida e, o que sobra, é o sal puro.

Além da fabricacao de sal, essas construcoes se encontram normalmente perto de spas (Kurpark). A evaporacao da água salgada possui os mesmos efeitos medicinais que...

... um caminho pela orla marítima, e é usada em tratamento principalmente para pessoas com problemas respiratórios. A construcao possui dois corredores compridos (um de cada lado) onde, após pagar-se uma pequena taxa de entrada, é possível caminhar e respirar o ar 'marinho' :-)

Postes de madeira escoram a estrutura. No poste há um relevo feito em madeira: quando os pingos de água chegam nesse relevo (no final da pintura em negro), eles pingam de volta para o recipiente ao invés de escorrer até os corredores.

Galhos de abrunheiro, por onde passa a água salgada.

Toda o movimento da água é feito através de moinhos de água (esse é só uma maquete) que...

... movimentam bombas hidráulicas.

Nos arredores do Gradierbau, ao longe...

... se avistam vinhedos :-)

E na parte de trás, uma movimentada feira ambulante.

Sunday, November 27, 2016

Nesse Final de Semana...

... chegou um pacote aqui em casa, com um puzzle de 2.000 pecas, para mim.
Mas nao havia cartao, nem nome: o pacote foi mandado de uma loja (e eu definitivamente nao fui a compradora).
Entao a pergunta: quem foi o querido ou querida que mandou ele para mim? :-)

I received a great puzzle on Saturday, in a package with no card or name. My question is: who send it to me? :-O